Will Smith revela que tinha crise de ciúmes devido amizade de Jada e Tupac

0
91

Em suas memórias, Smith se lembrou de estar “inseguro” e ao mesmo tempo sentir “vitória” porque foi capaz de conquistar o coração de Jada.

A relação entre Tupac Shakur e Jada Pinkett Smith foi bem documentada, ainda mais após o trágico assassinato do rapper. Jada e Tupac se conheciam desde a juventude e eram amigos íntimos que pareciam hesitar no romance. Sua poesia e cartas para ela se tornaram públicas e a atriz sempre falou sobre sua conexão com o artista.

Outro elemento do relacionamento deles chegou quando Will Smith começou a namorar Jada e, aparentemente, nem Will, nem Tupac, eram fãs um do outro. Em seu livro de memórias, o ator lembrou de sentir uma crise de ciúmes devido à relação deles.

Smith admitiu sentir uma “sensação distorcida de vitória” enquanto namorava sua esposa, como se ele fosse capaz de realizar algo que Tupac não conseguiu. Ele também afirmou que estava “inseguro” sobre a amizade deles. “O jeito como Jada amava ‘Pac me tornava incapaz de ser amigo dele. Eu era muito imaturo.”

“No início de nosso relacionamento, minha mente foi torturada por sua conexão. Ele era Tupac! Eu era eu”, escreve ele. “Ele me deu a impressão de ser covarde. Odiava não ser o que ele era no mundo e sofria de um ciúme furioso. Queria que Jada me olhasse assim.”

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here