Os produtos brasileiros podem entrar no mercado europeu por meio de Portugal

A Logcomex registra quase US$ 4 bilhões em comércio internacional com o país coirmão

Para chegar aos mercados europeus, as mercadorias brasileiras têm dependido fortemente de Portugal. As exportações de petróleo bruto, soja, milho, querosene de aviação, laminados planos de ferro ou aço, madeira e resinas representaram a maior parte das exportações do Brasil para seu país irmão no montante de US$ 3.887.590.598 em valor FOB entre janeiro e outubro de 2022, segundo dados da Logcomex.

O CEO da Logcomex, Helmuth Hofstatter, argumenta que a proximidade de Portugal com grandes parceiros comerciais como Espanha, França e Reino Unido dá ao Brasil uma vantagem competitiva como porta de entrada. Mais de US$ 7 bilhões em comércio anual ocorrem entre o Brasil e esses três países.

Artigos recomendados

Helmuth refere ainda que Portugal beneficia da sua localização junto ao Oceano Atlântico, que permite o acesso às rotas marítimas.

Ajuda do governo do Brasil

A ApexBrasil, a Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos, o Sebrae, o Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas e o Banco do Brasil são apenas algumas das entidades governamentais brasileiras que oferecem programas de promoção de exportações para empresas brasileiras.

Os dados da Logcomex mostram que o transporte marítimo de mercadorias do Brasil para Portugal é extremamente comum.

Itágua, Campos de Goytacazes e Santos, todas no estado do Rio de Janeiro, foram os principais despachantes das exportações do Brasil para Portugal.

Aqui estão cinco métodos testados e comprovados para vender mercadorias em Portugal.

O chefe da Logcomex lista cinco estratégias ousadas que garantiriam uma exportação lucrativa de produtos brasileiros para o mercado português.

1) Investigar regularmente novos mercados potenciais em Portugal.

“Sempre haverá oportunidade de exportar o produto”, diz Helmuth, seja pela falta de oferta interna no país de destino, seja pela venda de produtos ou serviços inferiores no mesmo mercado de outras nações.

Por isso, ele destaca a importância de pesquisar constantemente o mercado e novas perspectivas para saber reconhecê-las, principalmente se o objetivo for vender itens do Brasil para Portugal.

Por isso, ele sugere que os empresários brasileiros aprendam a apresentar seu produto de maneira que valorize e atenda às exigências do mercado-alvo. Compreender as condições macroeconômicas mais amplas também é crucial. Isso inclui coisas como o custo relativo do trabalho, o valor da moeda e o custo dos principais insumos.

Helmuth explica que a pesquisa de exportadores e importadores é simplificada com o uso da plataforma de exportação da Logcomex. Entender a participação de mercado da empresa é apenas metade da batalha; você também precisa ser capaz de identificar mercados inexplorados.

2) Leve em consideração as variações culturais

Ao tentar vender produtos em Portugal, as diferenças culturais entre o Brasil e Portugal podem ser um obstáculo. É aqui que muitos exportadores caem, pois não pensam o suficiente nos fatores culturais que podem fazer a diferença.

O CEO da Logcomex acredita que a falta de familiaridade cultural não deve ser vista como uma barreira para uma negociação bem-sucedida. Tudo pode ser resolvido com uma preparação cuidadosa, pensa ele, depois de se familiarizar com o mercado e a cultura local.

Por outro lado, Helmuth enfatiza a importância de investigar minuciosamente normas culturais, modos de comunicação e valores para garantir que eles não constituam uma barreira intransponível para acordos econômicos entre países. Se você deseja fazer planos proativos, diz ele, também deve aprender sobre a sazonalidade deles.

3 Escolha fornecedores confiáveis

Trabalhar com parceiros confiáveis é crucial na exportação de mercadorias do Brasil para outro país, assim como em qualquer empreendimento comercial. Atende a todas as regulamentações, normas e exigências impostas pelo comércio internacional e fornece itens de alta qualidade a preços competitivos no mercado. Mais importante, eles devem ser éticos para garantir a conformidade, que é uma prioridade ao lidar com nações europeias em negociações.

Participar de feiras, conforme recomendado por Helmuth, é uma ótima maneira de encontrar novos fornecedores de alta qualidade. As referências de outras empresas portuguesas que exportam para o Brasil são outro bom ponto de partida, diz.

Se você está procurando um lugar para obter respostas, a Câmara de Comércio e Indústria Luso-Brasileira oferece um serviço exclusivo para ajudá-lo a encontrar os melhores fornecedores possíveis para o seu comércio internacional.

4) Envie toda a papelada necessária

As exigências burocráticas para embarque de mercadorias do Brasil para Portugal devem ser cumpridas antes do início da transação internacional. Tanto o exportador quanto o importador devem ter a documentação apropriada para concluir esta transação.

Na importação de produtos do Brasil para Portugal, os documentos mais comuns são:

Documento de Origem para Faturas Comerciais
Certificado de Saneamento/Documentação Fitossanitária
Ordem de Entrega/Conhecimento de Embarque (para transporte marítimo).

5 Aproveite os métodos tecnológicos modernos

Na hora de exportar e importar, a tecnologia é uma poderosa aliada do empresário. Existem vários campos de pesquisa que se beneficiam com o uso da plataforma Logcomex.

Valores médios para exportação de mercadorias
Ampliando as oportunidades de exportação
Exportar ciclos e padrões de produtos
Redução de custos para exportações
Divisão do volume de exportação por estado
As unidades primárias de desembaraço do produto, quantidade de exportação em peso, valor FOB total e modo de exportação são todos mostrados graficamente.

Agradecemos a todos que vistam nosso site e compartilham os links além disso , pedimos que curta a nossa página.

Acompanhe as novidades de música no site diariamente, faremos o máximo para trazer as músicas do momento só pra você.
Download
mp3
for free
house
amapiano
download mp3
Fofoca
novidades
entretenimento

One comment

Deixe uma resposta