Noite Dia fala o desafio de estar à mesa de júri do Unitel Estrelas ao Palco

Por: Hélio Cristóvão

A kudurista Noite Dia, que desempenha pela primeira vez o papel de Juri, no programa de imitação musical Unitel Estrelas ao Palco, do canal ZAP Viva, falou pela primeira vez ao PLATINALINE sobre esta experiência. A artista fez saber que está a ser uma experiência boa e que, de certa forma, ajuda-a a desenvolver enquanto fazedora de música.

“Está a ser óptimo, está a valer a pena estar a qui, de certa forma ajuda-me imenso a também desenvolver, conhecer outros estilos e acompanhar a evolução dos concorrentes.” fez saber.

Enquanto fazedora do estilo Kuduro, Noite Dia sublinhou que nunca se imaginou ser júri de um concurso tão diversificado quanto aos estilos musicais. “Nunca me vi fazer este papel mas acredito que, se fui convidada pela direcção do canal, é porque o meu trabalho de certa forma teve êxito.”

Noite Dia disse, ainda, que o convite feito pelo ZAP Viva traduz-se no facto de que, tanto os fazedores de outros estilos quanto os kuduristas, especificamente, podem contribuir para o crescimento da música angolana. “Esta é uma das maiores provas de que o estilo Kuduro está a ser valorizado, agora, precisamos continuar trabalhar para fazer valer o nosso estilo”, finalizou.

Esta não é a primeira vez em que o canal ZAP Viva convida uma artista do Kuduro para “julgar” os concorrentes. Na terceira edição do Unitel Estrelas ao Palco, em 2021, Titica também integrou a mesa de jurados, sendo actualmente Noite Dia a representar o estilo.

One comment

Deixe uma resposta