Chefe da polícia de Houston atualiza fãs sobre investigação do assassinato de Takeoff

Takeoff morreu no inicio deste mês.

A investigação de assassinato de Takeoff ainda não resultou em nenhuma prisão, mas o chefe da polícia de Houston, Troy Finner, está confiante de que o progresso está sendo feito e a justiça será cumprida. O rapper foi baleado e morto aos 28 anos após uma briga do lado de fora de uma pista de boliche de Houston em 1º de novembro.

“Sinto-me bem onde estamos progredindo”, disse Finner ao canal local KPRC 2 esta semana. “Você se lembra naquele dia, eu me encontrei com a mãe dele. Conversei com aquela senhora pessoalmente, fiz uma promessa e tem muita coisa sendo dita. Queremos que todas as investigações sobre assassinatos quando pessoas estão sendo mortas se movam. Mas o principal é que acertamos”.

Capa TakeoffFoto: Reprodução

Ele acrescentou: “Não quero mexer com os sentimentos dos membros da família e depois voltar e dizer: ‘Uau, não era essa pessoa’. Quero que todos sejam pacientes e apenas entendam que haverá alguma justiça aqui em Houston, Texas”. Finner, que anteriormente pediu às testemunhas que apresentassem informações sobre o tiroteio, acrescentou que a pessoa responsável pelo assassinato de Takeoff será encontrada.

“Não quero falar detalhes sobre isso, mas posso dizer a vocês que encontraremos essa pessoa e identificaremos a pessoa ou pessoas responsáveis ​​pela morte de Takeoff”, disse ele. “Não gosto de falar muito durante as investigações. Eu sou alguém que diz: ‘Sabe de uma coisa? Deixe as pessoas falarem’. Mas o que eu falo é quando pegarmos vamos coloca-la na cadeia”.

Após a morte de Takeoff, Offset adiou o lançamento de seu álbum solo por respeito, enquanto Quavo, que estava presente no momento de seu assassinato, escreveu uma carta sincera para seu familiar falecido.

“Desde que éramos crianças, você esteve ao meu lado olhando para mim”, escreveu Quavo no Instagram. “Aqueles olhos esperando por mim para fazer o movimento. então você seguiu logo atrás de mim. Você sempre se certificou de que eu fizesse isso primeiro para que você pudesse fazer certo comigo. Você nunca competiu comigo, sempre estivemos no mesmo time”.

One comment

Deixe uma resposta