Chamado “Tick Tick Bloom”, concurso da NASA paga R$ 70 mil para cidadãos ajudarem a agência espacial a identificar algas tóxicas em imagens de satélites e pelo Google Maps

Nasa, satélite, concurso, google

Foto: Reprodução boqnews
O concurso da NASA visa utilizar a inteligência artificial a favor da natureza, utilizando satélites do Google para isso

Que tal ganhar R$ 70 mil só olhando imagens de satélites do Google? A NASA abriu um novo concurso para selecionar cientistas que consigam e queiram identificar algas tóxicas a partir de imagens feitas do espaço pelo Google. O serviço consiste em olhar as imagens de satélite de alguns corpos d’água e observar se existem algas presentes neles, se positivo, os selecionados devem as classificar de acordo com a gravidade.

O concurso vai funcionar em etapas de premiação, sendo que o primeiro lugar vai receber US$ 12 mil (cerca de R$62,3 mil), o segundo lugar vai receber US$9 mil (cerca de R$47 mil) e o terceiro lugar vai receber US$ 6 mil (cerca de R$31,1 mil). Além dessa quantia, os ganhadores irão receber ainda uma gratificação de US$2 mil (R$10,3 mil) para o primeiro lugar e US$1 mil (R$5,2 mil) para o segundo lugar.

Artigos recomendados

O concurso da NASA pode ser feito por todas as pessoas que morem (legalmente) em qualquer país do mundo, que não tenha nenhuma sanção aplicada pelos EUA e que seja maior de 18 anos. Os candidatos não precisarão pagar nenhuma taxa para participar do concurso da NASA. A competição termina no dia 17 de fevereiro, às 20h59 (pelo horário de Brasília).

As inscrições podem ser feitas pelo site oficial do concurso da NASA de imagens de satélite.

O CONCURSO DA NASA QUE PAGA R$ 70 MIL

A favor do meio ambiente

De acordo com a NASA, o objetivo do concurso para analisar imagens de satélite do Google é analisar a qualidade das águas de diferentes lugares do mundo, descobrindo se são seguras ou não para o consumo humano.

Geralmente essa análise é feita manualmente, ou seja, as algas são coletadas nos cursos d’água e levadas aos laboratórios. Depois, faz-se a análise e conclui-se se a água pode ser consumida ou não, porém, esse método é demorado e difícil de ser realizado em larga escala.

Assim, as análises feitas pelos participantes do concurso das imagens de satélite do google serão usadas para alimentar um algoritmo de Inteligência Artificial que fará a análise por si só, encontrando as áreas que possuem algas tóxicas.

Agradecemos a todos que vistam nosso site e compartilham os links além disso , pedimos que curta a nossa página.

Acompanhe as novidades de música no site diariamente, faremos o máximo para trazer as músicas do momento só pra você.
Download
mp3
for free
house
amapiano
download mp3
Fofoca
novidades
entretenimento

One comment

Deixe uma resposta